Love Story – Uma história de Amor, de Jennifer Echols

Por Rai Louven
@rai_louven

GRD_15_capaLove Story, da Editora Pandorga, não era uma das minhas opções de leitura, mas queria ler outro livro da autora Jennifer Echols, pois gostei muito do anterior, Longe Demais. A sinopse do livro também me conquistou quando imaginei as histórias escritas e trocadas pelos protagonistas, as indiretas bastante diretas.

Erin Blackwell e Hunter Allen são os protagonistas da histórias que se passa praticamente toda em Nova York, onde eles cursam a faculdade. Ela é a única herdeira legítima da avó fazendeira e rica. Ele é um dos empregados, o cavalariço, para ser mais específica.

Hunter Allen é o cavalariço esperto que aceita a proposta da avó de Erin de cuidar da fazenda, se tornar herdeiro e ir estudar administração na mesma faculdade que Erin, já que ela se negou. Ele é apaixonado por Erin, mas também, orgulhoso demais para confessar.

O livro é todo escrito em primeira pessoa, com a visão da Erin. Ela é bastante sonhadora, tem uma personalidade forte e muito determinada. Erin abre mão do conforto e dinheiro da fazenda, para estudar Escrita Criativa em NY, trabalhar, dividir apartamento com as amigas e arcar com os próprios gastos. Tudo isso, contra a vontade da avó que a deserdou por não aceitar estudar administração e cuidar do patrimônio da família. Ah… Ela também é apaixonada por Hunter, mas não assume.

O relacionamento dos protagonistas ocorre entre tapas, beijos, bastante orgulho e drama. Eu esperava por um romance divertido e criativo, só que isso não aconteceu. Em muitos momentos, a autora nos surpreende com um novo rumo para a história. Quando acreditamos que vai acontecer alguma coisa… tcharam!!! Tudo muda!!

Esse detalhe surpresa pode ser bom e ruim. Bom porque prende o leitor a história, já que ele não vai para de ler até saber o que está acontecendo, de verdade. Ruim, porque pode ter o efeito contrário. O leitor pode se cansar e não gostar de constantes mudanças, sem uma previsão ou algo que justifique no futuro tantas surpresas, empecilhos e mudanças de rumo.

Quando li a sinopse de Love Story pensei: um romance entre protagonistas que não são adolescentes, que envolve amor e orgulho, e que também escrevem contos! Nossa paixão total!! Mas, esses itens não foram muito bem aplicados. Os personagens se tornaram orgulhosos demais, poxinha! Particularmente, achei que a escritora não soube explorar bem os contos trocados em aula por Erin e Hunter. O ar de mistério poderia deixar tudo mais excitante também, só que não foi usado.

love story

Eu senti que Jennifer Echols deixou todos os momentos importantes para acontecerem ao mesmo tempo, no final da história, sem explicar ou fazer entender como tudo se resolveria. A sensação que eu tive era de que o tempo estava acabando e ela teve que correr com tudo. Sobre a autora, que tem sua marca registrada com seus dramas, ainda estou dividida. Acho que preciso ler mais uma obra dela para tirar a prova real, uma vez que Longe Demais foi muito bom e Love Story nem tanto.

Anúncios

Para comentar, é aqui ó ↓ ....

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s